Month: August 2008

from the love letter

the paper cuts from the love letter you never gave him. é isso aí. vai acabar se fudendo, porque a minha velha mania de me auto-sabotar está de volta. feel the end and enjoy the consequences? se as conseqüências forem boas, ótimo. se não… bem, senta e chora né.

More

twilight

estou me sentindo mega estúpida por não ter comprado a coleção completa de twilight enquanto tava em Orlando. agora eu tenho que esperar sabe Deus quanto tempo pra ler o próximo volume – tudo porque a Saraiva demora 187230230 anos pra entregar uma edição em inglês e já chega eu ficar com uma coleção de livros […]

More

ei, warner, vai tomar no cú

warner filha da puta. faltando 97 dias para dia 21 de novembro, a warner resolveu adiar a estréia de Harry Potter e o Enigma do Príncipe para o dia 17 de julho de 2009. isso mesmo. agora, ao invés de faltarem 97 dias, faltam 11 meses e 2 dias. warner filha da puta. e isso, […]

More

eu tive um sonho – ou dois

então, eu tive dois sonhos muito estranhos – aliás, foram dois pesadelos numa noite só, pra ser sincera. e eu sinto que, se eu não escrever sobre eles, e refletir sobre eles, eu vou ter coisas. o primeiro: eu era a mulher aranha, e eu tinha que salvar as pessoas do fogo que tava num […]

More

memórias, crônicas e declarações de amor

se algum dia eu tiver filhos, eu faço questão de contar pra eles da minha paixão eterna por Harry Potter. e eu vou começar dizendo que Harry Potter mudou minha vida, de verdade, e que, depois que conheci Harry Potter, em 1997, minha vida mudou completamente, e eu virei outra pessoa. sem exageros. obviamente, vou […]

More

livros, john mayer e café

hoje chegaram 4 caixas da livraria Cultura com meus livrinhos e cds do John Mayer, e eu fiquei mó feliz o/ só fiquei puta porque eu gastei 4 reais com uma xerox que eu só usei 1/3 dela, porque o livro Global Political Economy chegou né d; e eu descobri que o texto de Teoria […]

More

agora que julho acabou

agora que julho acabou, me sinto mais apta a comentar esse mês que, no final das contas, foi incrível. primeiro e antes de tudo, começou com a continuação das merecidas férias. ah, férias. dormir o quanto quisesse. comer porcaria. assistir quantos filmes quisesse, até a hora que quisesse. ir ao cinema quantas vezes quisesse. passear. […]

More